Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








Lixo: Meu, Seu, Nosso

Esperando meu ônibus pra ir trabalhar me deparei com essa enorme mancha rosa num pôster me olhando. Dormindo ainda e com pressa mal me dei conta do que se tratava. E como o verão chegou prefiro aproveitar os raios de sol matinal que ficar nessa proteção do ponto de ônibus. Só que esses impressos estão por todo lado que nem praga. Fui olhar o que era: um chiclete mascado podrão, ainda enfeitado com bolinhas de cuspe no chão e embalado com uma linda e fofa fitinha cor fúcsia. O texto diz: "Não faca do seu chiclete um presente para os outros". E um textinho: "Com a mesma facilidade você pode jogar na lixeira". Veja outro exemplo abaixo:


Para bom entendedor meia palavra basta. E' um apelo de forte componente visual (que praticamente dispensa maiores explicações) e dirigido também aos turistas que invadem as grandes cidades holandesas especialmente durante o verão - época de maior produção de lixo. Isso prova que mesmo em lugares ditos "civilizados" a educação dos cidadãos e' um processo contínuo, que não termina nunca. Campanha simples e bem humorada, de apelo universal... Ameiê !

A estética do proibido

Átomos

Cláudia Alencar

Como os átomos se atraem?

No primeiro olhar meu corpo já se colocou no lugar.

Como se criam?

A conversa, de conversa tornou-se pretexto.

Se perpetuam?

Um homem inusitado, igual aos meus sonhos.

Quando me afasto, ele vem,

Quando me aproximo, demora a querer-me.

Mas já o convidei para almoçar, de sopetão!

Desmarcou compromissos

Ficamos no Parque Lage a namorar.

Acha meus olhos lindos

Gosta do meu jeito de sentar com as pernas dobradas

A gente falando de família, casa e jardim

Ele falando mais

Eu nem me importando em falar

Adoro sua presença.

Basta estar a seu lado

Sentir seu corpo, ouvir a respiração, olhar sua mão

Ah!.. Suas mãos em mim

Ah!..Seus lábios beijando minhas mãos

O primeiro beijo foi no meu ombro direito

Leve, pequenino, suave e profundo

Um átomo de refinamento e loucura.

Seguimos grudados até hoje como areia e mar.

E Lúcio chorou.........

Foto IG

E com Lúcio choramos também, nós torcedores do futebol brasileiro

pela emocionante vitória contra a seleção norte americana e pela conquista do Tri Campeonato na Copa das Confederações.

As duas equipes tiveram uma atuação brilhante, nos permitindo assistir um belo espetáculo onde, na minha opinião, a “garra” de nossos jogadores suplantou a técnica e o esforço dos americanos. E eles, os americanos, até que jogavam bem.

Mas, como perseguiam a bola os nossos meninos a procura do gol querendo mostrar que estávamos ali para vencer, preparados para enfrentar uma turma que é considerado de primeiro mundo. Primeiro mundo em que? Em futebol com certeza não é.

Sabem Amigas, por que gosto de esporte, principalmente futebol?

Ao assistir jogo de futebol tenho a impressão que estou me deliciando com um espetáculo de balé com os movimentos harmoniosos e vibrantes dos jogadores à procura da bola.

Ainda por cima eles são homens fortes, saudáveis, esbanjando saúde.Tudo que gosto de ver.....

Adeus Michael. Goodbye.




Almoço "al mare" do bem

Neste sábado, 27 de junho, o barco Pink Fleet vai sair da Marina da Glória - RJ para um almoço al maré do bem, ao custo de R$150,00 por pessoa. Com o objetivo de arrecadar fundos para seu programa Hora da Leitura, que está completando um ano, o Instituto da Criança organizou o evento em parceria com a empresa de Eike Batista, dona do barco. Cinqüenta e três por cento da renda será revertida para o Programa.

O Hora da Leitura, idealizado por Priscila Carballido Mendes, economista e voluntária do Instituto da Criança, atua em parceria com escolas públicas (CIEPS) e instituições para incentivar a leitura e o acesso aos livros em comunidades de baixa renda. Há capacidade para 900 crianças do 2º ao 5º ano do Ensino Fundamental na Baixada Fluminense.

A filosofia do programa é da leitura com prazer, aproximando a criança do livro, transmitindo emoção na leitura. O objetivo é "desbloquear os entraves" do leitor para que ele desperte o desejo na leitura para a criação do hábito da leitura para toda a vida.

Mais informações no site www.institutodacriança.org.br

SKYWALK

Ana Cecília Vidaurre
O cara era um mega pop star americano, mega celebridade, todo mundo sabe. Os EUA gostam e valorizam isso.
Quando é contemporâneo nosso parece que não damos muita bola, assistimos meio na espreita...
Mas sabemos que era prodígio, inovou a dança, apostou no vídeo clipe e nos mostrou como se fazia algo diferente.
O thriller mais vendido da história era dele, com 750 milhões de álbuns.
Criou seguidores no mundo todo.
Pelé = Madonna = Michael Jackson.
Fez besteiras no corpo e na vida, tamanho sucesso devia ser muito difícil de administrar.
Era meio doido?
Mas fica pra história, na nossa lembrança, uma lenda q horas atrás estava viva.
Agora vai dançar em outra dimensão.

1958 - 2009

Michael Jackson morreu! Inacreditável!!

Foi o maior ídolo pop. Um dos maiores gênios musicais da minha geração.

Como somos da mesma idade, lembro que enquanto eu brincava ele já estava trabalhando. Eu me impressionava muito. Isso na época do Jackson Five.

Hoje sabemos que a pressão que sofreu do pai causou traumas irreversíveis na sua vida que talvez seja a causa de sua morte tão prematura!

Que pena, ainda poderia fazer muito mais.

Sua vida foi realmente um Thriller!


Just beat it! We will miss you.

Preparem os holofotes, lustrem o palco, abram as bilheterias, proclamem aos quatro cantos: Michael Jackson está chegando. Nova turnê? Sim, mas essa nós só vamos poder sentir no coração.
Não importa se Black ou White, nos próximos dias traremos à mente somente todas as cores, passos, luzes e alegria que ele nos deixa.

Vai lá, vai leve, vai pop! Don't stop til you get enough. You are not alone. E chegando, Just beat it que as portas se abrirão.


Brasil Sensacional


Dias atrás comecei a ver em jornais holandeses a nova campanha do Ministério de Turismo. Chama-se "Brasil Sensacional". Concentra-se na diversidade de atrações que o pais tem a oferecer e não mais naqueles pôsteres bregas de doer que a gente estava acostumado e que eu vinha vendo desde que nasci. Vocês manjam: na agência de turismo um poster imeeeenso de uma boazuda de biquíni ocupando mais de metade da foto e cercada de fotinhas com um catedral histórica barroca, um abacaxi com canudinhos, cataratas do Iguaçu e um jacaré sorrindo pra câmera. Ou digamos: duas boazudas de sorriso colgate e cabelão molhado, cercadas de fotinhas de carambolas, o Corcovado, ruazinhas do centro de Salvador e um miquinho dourado. Pow, mordedeus ! Cansou ne' galera !


Veja abaixo a tradução do texto de um dos posteres da campanha:
Subtítulo:
"As melhores oportunidades para ecoturismo e diversidade de cultura juntos num so' lugar. Brasil sensacional."
O texto segue assim:
"Descubra um ambiente de tirar o fôlego, os diversos parques naturais e os muitos resorts ecológicos. A área amazônica e uma das regiões mais ricas em diversidade biológica e a maior floresta amazônica do planeta. Um destino que você pode visitar a qualquer momento do ano. E onde você pode se hospedar em hotéis confortáveis e de luxo. Não perca a oportunidade de conhecer o tradicional Teatro Amazônico e visitar Manaus para conhecer a gastronomia local. Venha para o Brasil Para natureza, história, cultura e felicidade num só lugar. "

Eu achei uma coisa dessa campanha:

Classe.

A abertura do bueiro do Congresso Nacional


Desculpem o termo bueiro, tão fétido e sujo, mas como adjetivar o que vem acontecendo no Congresso Nacional Brasileiro?
A cada dia acordamos com mais dejetos transbordando lá de dentro.
Um sem fim de meandros sórdidos, de uma casa que deveria ser exemplo de conduta para o país.
O Senado Federal, casa de representantes legitimamente eleitos pelo povo, para escrever o futuro do país juntamente com a Câmara dos Deputados. Também está em seu dever de trabalho, fiscalizar os outros poderes para que não ultrapassem seus limites em lei.
E o que vemos agora?
Os ratos saindo do porão, o lixo transbordando, e todos correndo para não se comprometer.
E na cabeceira da pista, com seu nome entrelaçado em todos os escândalos descobertos, ele o ex-presidente do país, eterno presidente do senado, multi politico, há cinquenta anos no poder Sr. José Sarney.
O mais impressionante é a face deste senhor, impávida!
Todos os escândalos tem ligação com ele, sua filha, seu neto, sua secretária, etc e etc. E ele não pisca, não se constrange, não se envergonha.
Continua ali, sentado no trono, sem alterar a voz, sem pedir desculpas, tentando esconder pessoas que possam realmente lhe sacudir a cadeira. Impressionante, chocante, repugnante!
Desculpem os termos fortes, mas tenho náuseas de ver esta realidade. E tenho frustação por saber que tudo acabará em pizza mais uma vez!
E nós brasileiros, que com nossos impostos pagamos os salários destes senhores, não vamos fazer nada?
Vamos sim, não podemos esquecer mais este ultraje e temos que votar melhor na próxima eleição...é o que nos resta não é?

Amigas Inteirativas vamos doar nossos tempos ociosos...é fácil

foto do site citado abaixo

Estou falando sobre a doação de tempo ocioso dos computadores pessoais. Assim estaremos contribuindo para as pesquisas do mundo.

Para participar é necessário baixar um programa que está disponível, é um ambiente totalmente seguro. Visitem o site e vejam as estatísticas do mundo todo em: www.worldcommunitygrid.org

Funciona assim: seu PC será utilizado somente durante o tempo em que estiver ocioso. Tão logo você inicie o uso, automaticamente o programa detecta e suspende o uso por parte da rede.

Esse é um projeto que valerá muito para a humanidade, divulguem. A FioCruz tem alguns projetos que fazem parte desta rede e vc poderá escolher um ou mais projetos específicos ou, até mesmo, todos. Essa é uma forma de acelerarmos as pesquisas, pois se deixássemos restrita aos ambientes de pesquisa levariam muitos anos.

São feitas estatísticas comparando sua contribuição pessoal e a contribuição por território. Hoje, na Europa é onde existe maior número de “doadores”.

Esta é uma nova maneira de sermos solidários, doando nossos tempos tecnológicos para a ciência, para nosso próximo que muitas vezes está muito próximo.

Você poderá escolher sua contribuição em apenas um projeto ou marcar todos.

Beijos amadas eu já sou membro.

O amor maduro

Foto de João Miguel Jr

Hoje encontrei bem aqui na minha rua a atriz Laura Cardoso que interpreta a personagem Laksmi na novela Caminho das Índias.

Não lembro se já tinha dito o quanto novela me distrai. Sei que é fantasia, e daí? Viajar na imaginação é bem melhor do que remoer tristezas, e assim eu fujo da rotina. Além de que, o autor aproveita para questionar, principalmente, mudanças comportamentais da sociedade, conflitos resultantes de culturas diferentes, apoiar campanhas sociais etc etc... e por aí vai. Essa é minha visão.

Então após comentar como a atriz que incorpora com dignidade, altivez e amargura a personagem, perguntei se o grande amor por Shankar (Lima Duarte) teria um final feliz.

“ACHO QUE NÃO”, foi a resposta. Ela acrescentou que tem insistentemente sugerido modificar esse final. Não sabe se terá êxito.

É tudo que eu não queria ouvir.

Esse desfecho, com certeza, levará tristeza a maioria dos mais velhos, noveleiros como eu, espalhados por esse Brasil tão grande e pobre, em cidades e povoados onde a única distração é assistir TV, e incorporar os personagens, sonhando.......

AMIGAS INTEIRATIVAS, vocês me autorizam a procurar a Gloria Perez e fazer esse apelo? Por favor, Gloria, não interrompa o reencontro amoroso de um casal. Nós precisamos sonhar para viver e é tão lindo um reencontro de amor......... ainda mais na velhice quando tantos momentos vibrantes e belos eles deixaram de viver juntos.

Agora resta tão pouco... por favor, escute seu coração.

"A sociedade não quer alguém 100% sincera"

Esta frase está hoje na entrevista que Luana Piovani deu ao Megazine - caderno para adolescentes do jornal O Globo.
E me fez
refletir e concordar.
Sempre fui e sou uma pessoa extremamente sincera. Quando meus amigos pedem minha opinião sempre brinco: olha lá, eu sou bem
direta e sem rodeios, quer mesmo a minha opinião? Nunca soube fazer tipo, mesmo que isto tenha me acarretado em perder alguns gatinhos ... fazer o que?
Com o tempo e a experiência da vida, a gente vai sacando que não pode ser sincera e dizer o que realmente pensa, porque em geral as pessoas não gostam. Elas querem uma versão, a sociedade quer um recorte diferente pra não sair do lugar. Opiniões pontuais não são bem vindas, o melhor é uma certa simulação.
E acho isso uma tristeza, porque as pessoas vão perdendo a profundidade e a espontaneidade e ficando
rasas, pra agradar aos outros. E a sociedade vai se tornando fútil e extremamente superficial.
Não estou falando daquele tipo de franqueza mal educada, que fala o que vier a cabeça sem passar pelo filtro da educação. Falo da
sinceridade nas relações pessoais, de trabalho, em geral.
A gente é criado ouvindo para não mentir, ser sincero, e a vida adulta vem e nos impõe este tipo de comportamento. Talvez, o que se precisasse
refletir é que sinceridade e liberdade são quase sinônimos.

AUSÊNCIA


Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada,
aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.
Carlos Drummond de Andrade

Desculpem a minha ausência nas postagens.

A FUNDADORA DA DASPU

foto da internet

É isso ai, Gabriela Leite, brasileira, hoje afastada da profissão mais difícil que uma mulher possa exercer, eu entendo a sua revolta. Acredito que a maioria de suas colegas, assim como você, procurou mostrar aos seus filhos a importância do trabalho sério, não ser simulado e, principalmente não se apropriar do que não lhe pertence. São orientações básicas para a formação do homem na sociedade.

E vem Evandro Mesquita, da Blitz afirmar, em versos, no Jornal O Globo na coluna de Gente Boa, sexta feira, que “a maioria absoluta dos senadores é filho da p...”

Não me cabe julgar que tipo de orientação familiar, eles, os senadores, tiveram, e sim o que eles são agora: sem respeito com a opinião pública e realmente, segundo é divulgado em toda mídia, roubando os cofres públicos. Uma vergonha para todo o país.

Por isso, Gabriela Leite, mulher que orientou seus filhos a não se apropriar do alheio, isso é que importa, e se colocou em defesa de suas colegas de trabalho, quando diz: ”não conheço puta assumida que tenha filhos no Senado”, o meu respeito.

O meu mais profundo respeito.

O amor fraterno de Vera Fischer e Perry Salles

Sônia Araripe
foto divulgação

Morreu o ator Perry Salles, ex-marido de Vera Fischer.

Os dois viraram irmãos de fé.

Mesmo quem não gosta da Vera tem que reconhecer como foi bonito o apoio que ela deu todo o tempo prá ele.

Moravam ele e a nova mulher na casa da Vera.

Lindo!

Para rirmos juntas

19/06/09

Outro dia mesmo a gente chorava pitangas porque ninguém aguentava mais a barrinha de cereal da Gol, não foi?

Pois é! Não saiu em manchete de jornal - até porque jornalista agora num vale mais muita coisa (risos). Mas vocês não vão acreditar: tiraram as barrinhas de cereais, acredita, Maria Lúcia?

Bom, aí podem até achar, felizes de vida, que voltou um amendoim bacana ou um biscoito bem gostoso. Porque lanche quente nunca mais haverá mesmo - os aviões da Gol foram reformulados todos para perder aquela área de serviço maior que permite lanches quentes, abrindo espaço para mais cadeiras.

O fato é que sairam as barrinhas e entraram.... uns cookies pavorosos e uns biscoitinhos Parati! Como é? Recheados de ervas finas...não dá nem para abrir. Já embrulha o estômago só de ver.

Fechamos questão! Está combinado, Angel, Cecil, Maria Lúcia, Valéria, Letícia, Mariangela, Grazi, Isabella, Cláudia,Anita, todos e todas Inteirativas: nos vemos no calçadão do Leblon deste domingo com faixas implooorando a volta das barrinhas nos voos (agora sem acento). Vai dar tv, rádio, no twitter, vamos bombar.

Os donos da Gol/Varig precisam rever sua determinação e voltar imediatamente atrás.

Éramos felizes e não sabíamos!

Sempre Gisele, Gisele


19/06/09

Sônia Araripe

Sabem aquela foto linda da Gisele toda enrolada em plantas, bem no clima ecológico? Lembram-se que Anita divulgou aqui um post recente?

Pois é, a foto ilustra a capa de edição especial da célebre revista francesa Photo. A publicação é referência internacional na área de fotografia.

Celso Alfieri, Diretor de Criação da agência Talent, diretor da bela arte está todo prosa, é claro.

A edição ainda mostra outras três campanhas realizadas anteriormente e que tiveram a participação de Celso Alfieri como Diretor de Arte: Tatuagem, G2B e Xingu.

O material pode ser visto no site da revista.

Duffy

Ouvindo o programa Superbeleza na ParadisoFM, da jornalista Sonia Biondo, ela citou como referência de beleza retrô a cantora Duffy. Não conhecia e fui saber quem era.

Aimee Anne Duffy, nome artístico: Duffy, que é o sobrenome dela, e adotou como nome artístico para tentar evitar as constantes comparações com Amy Winehouse.

Duffy é do País de Gales, e vem fazendo muito sucesso com a música Mercy.

Críticos explicam o sucesso de Duffy devido ao bom momento do mercado soul-pop-retrô.

Um jantar com Flávia Alessandra

Com roteiro e direção de Claudia Ebert, nossa colunista, o curta "Pato com Laranja" voltou para o destaque da semana do Porta Curtas Petrobras!!!!

"Um jantar romântico termina de forma inusitada. A eterna briga pelo comando do casal, pela individualidade."

No elenco também Alexandre Borges, Castrinho e Afra Gomes.

Para assistir clique aqui.
Vale a pena!!

Spacebox, uma opção Holandesa de moradia barata

Estas casas de 50 metros quadrados(as Spacebox), foram criadas por uma empresa Holandesa, para sanar a falta de moradia de estudantes universitários naquele país.
Mas, nos últimos anos tem sido utilizadas para abrigar pessoas que sobrevivem a catástrofes naturais-enchentes na África, terremotos na Europa, etc..
Agora a fábrica decidiu entrar no mercado de habitações e está desenvolvendo modelos maiores que o original, que possui somente quarto, sala e banheiro.
A vantagem é que custa metade do preço de uma casa tradicional e pode ser movida pra onde o dono quiser, pois elas são pré-fabricadas.
Ideia interessante, não acham?

Van de tricot no SPFW



Monte Sião, MG, capital nacional da moda tricot, mostra Kombi ‘vestida’ para os visitantes do maior evento de moda do Brasil.


Hoje, 17 de junho, e amanhã, 18, uma Kombi totalmente envelopada, ou melhor, ‘vestida’ com uma peça única de tricot, vai estar estacionada em frente ao pavilhão da Bienal, no Ibirapuera, palco do maior evento de moda do Brasil, o São Paulo Fashion Week

Esta é mais uma das iniciativas do Grupo Pró Monte Sião - composto por empresários do município considerado a capital nacional da moda tricot – para atrair a atenção das pessoas, lembrando-as que quem pensa que tricot é coisa de vovó está muito enganado, já que, hoje, a cidade – que fica a apenas 160 km de São Paulo – também é referência no mundo da moda.

A Kombi ‘vestida’ com roupa de tricot fica estacionada no portão 3, do Parque do Ibirapuera, a partir das 14 h

Confira!

Para ver esta e outras notícias sobre as ações do Grupo Pró Monte Sião, acesse o blog da cidade blog.montesiao.com.br

Torben Grael, o senhor dos mares

Torben Grael, este carioca de Niterói, campeão olímpico e campeão mundial de star por diversas vezes, agora é o dono do mundo! Ele venceu esta noite a maior regata da vela mundial: Volvo Ocean Race.

Nesta regata, os barcos da fórmula um dos mares, dão a volta ao mundo, cruzando todos os oceanos e mares deste planeta, enfrentando de baleias a furacões.
E o nosso Torben Grael, capitão do barco Ericson 4 de bandeira Sueca, acaba de vencer antecipadamente a competição.

Fica aqui uma humilde homenagem a este cidadão de primeirissima ordem, que além de ser o melhor nos mares é o melhor em terra também. Ele e seus irmãos tem um projeto maravilhoso da escola de vela, que ensina a menores carentes a arte de velejar, além de educação, noções de cidadania e saúde. Um homem inteiro, um campeão maiúsculo!

Parabéns Torben, temos muito orgulho de você!

Pedicures pelo Mundo


Pois é, estou dando pinta novamente em blog alheio. Se quiserem saber mais sobre pedis e manis pelo mundo afora dêem uma besourada la no blog da Mara, o Esmalte no Pé. Tem link também ai do lado esquerdo na nossa lista de blogs favoritos. Ah e se quiserem participar do “Pé da Quinzena” mandem suas fotos e relatos. Pedicure também é cultura !

Primeiro encontro

Cláudia Alencar


Quando você me pegou pela cintura

e juntos atravessamos a rua

ocorreu um tsunami em meu corpo

só por sentir suas mãos quentes

envolvendo alma que se tornou ventre

Minha cabeça pareceu que flutuava

me senti amada, que era sua mulher

coisa bem melhor que voar, planar

me senti completa, atleta, esperta

e isso me alegrou tanto

que nem precisei sorrir

Voltei ao aconchego do acalanto

E quando fui ao banheiro do bar

Me retocar...

na volta gostei de escutar o homem falar:

- Ele estava apreensivo e só perguntava:

- Será que ela volta? Onde estará?

Quanta corda tensa

quanto querer ficar

agradar sem querer

mas pensar em agradar...

O fato de só Ser já é Estar!

VIVA O BRASIL

foto da internet
Amigas, o domingo começou brilhando e eu, quase enfartando de tanto vibrar com as vitorias das nossas meninas e meninos nas quadras de vôlei.
Como foi vibrante acompanhar cada lance à procura da vitória. Mesmo enfrentando adversários preparados e lutadores também, eles conseguiram, sabem por quê?
Os jovens são audaciosos, acreditam no que fazem e se lançam com fé e seriedade.
Tudo o que está faltando aos nossos políticos.
Eles bem que poderiam se espelhar em nossos atletas e fazer um Brasil melhor
Enquanto isso, nós, mulheres Inteirativas vamos fazendo a nossa parte e
VIVA O BRASIL !!!

As equações nada exatas do amor

Hoje é dia dos namorados aqui no Brasil. No resto do mundo, é comemorado no dia de São Valentin em fevereiro, mas aqui somos únicos: comemoramos na véspera de Santo Antônio casamenteiro.Vai entender porque????
Não importa, fico a pensar em como amor é algo totalmente aleatório, fora de previsões e de vontades de que aconteça isto ou aquilo.
Estou falando de química, aquela coisa que bate na gente quando olhamos pela primeira vez pra uma pessoa e já sabemos que "dançamos" literalmente.
É algo inexplicável, impalpável, impossível de se materializar em palavras. Mas, todos identificamos quando acontece.
E quando somos passionais e só sabemos viver amores assim, as vezes a química é um fator de complicação, ou não. Mas, definitivamente, ela pode impedir que uma história comece ou que ela continue.
A falta desta danada química que incendeia corações e é deliciosa, anda difícil.
Mas pelo menos pra mim, as coisas não fluem sem ela e sei que por esta razão, tenho transformado possíveis namorados em amigos sem fim.
Fazer o que né?
Continuar o caminho natural da vida, de encontros e desencontros...uma hora qualquer os átomos se encontram...risos

O Jardim Botânico do Rio de Janeiro comemora 201 anos

Sábado, 13 de Junho
Oficina e distribuição de Mudas
Local: Gramado do Centro de Visitantes
Horário: a partir das 8h
Serão distribuídas gratuitamente 500 mudas de espécies da Mata Atlântica, como ipê roxo, ipê amarelo, palmiteiro, pitanga e jacarandá-da-Bahia.
Coro do Theatro Municipal do Rio de Janeiro- Regência de Maurílio dos Santos Costa
Local: Teatro Tom Jobim Horário: 15h Entrada franca
Contadores de Histórias, com Stela Miranda e Letícia Sabatela
As duas atrizes abrem a série “Personalidades contam histórias”, que integra a exposição em cartaz no Centro de Visitantes.
Local: Gramado Centro de Visitantes Horário: 17h
Domingo, 14 de Junho
IV Festival de Harpas
O duo Ana Miccolis (harpa) e Igor Levy (flauta) toca composições de Marcel Grandjany, C. Salzedo, George Bizet, Hubert Giraud e outros.
Local: Teatro Tom Jobim Horário: 15h Entrada franca
Contadores de Histórias, com Cristina Braga e Afonso Drumond
Local: Gramado do Centro de Visitantes Horário: 16h

Mulheres do Irã

Iranianos terminam a campanha eleitoral para eleição do novo presidente. A juventude iraniana participou ativamente, e as mulheres farão, pela primeira vez, diferença num país onde o pensamento opressor masculino tem lugar de destaque. Foi a maior liberdade de manifestação num processo eleitoral.

Convivi um tempo com a cultura e as mulheres iranianas. São inteligentes, bonitas, cheias de vitalidade, expressivas, criativas, amantes e pensantes. E o que vimos nessa campanha eleitoral é que mesmo com as cabeças cobertas, a altivez predominou em muitos momentos. Num ano onde a questão da segurança nuclear permeia novamente os noticiários, essa eleição já marca o início de uma renovação, independentemente de quem vença.
O manifesto está lançado, e o momentum criado. Agora é ver as mulheres iranianas falarem com o mundo!
Salâm aleikum! Wa-aleikum salâm!

Cultura Brasileira Contemporanea em Rotterdam


Eu fiz a foto ai de cima num ponto de ônibus de uma cidade holandesa. Tive alguns segundos para fazer as fotos antes do meu buzum chegar. Pensei na hora: “Rá ! Alguma exposição sobre o Brasil com fotos de bumba-meu-boi e favelados felizes jogando bola ao lado de uma vala de esgoto, vídeos de carnaval com muitas popozudas, sementes de guaraná e cocar de índio.” Maaas... como eu tenho dois blogs pra sustentar fui la dar uma conferida no site em inglês (http://www.brazilcontemporary.nl/). Meus olhinhos não acreditaram: o negócio é muito mega. De 30 de maio ate 23 de agosto 2009 várias exposições sobre arte, cultura, arquitetura e design brasileiros com alguns grandes nomes na "Manhattan sobre o rio Maas". No site encontrei a seguinte introdução:

“Descubra e experimente a cultura dinâmica do Brasil com um coquetel de artes visuais, arquitetura, filmes, vídeos, fotografia, jogos de computação e desenho. Uma cultura onde a arte e a habilidade trabalham juntas e onde artistas contam uma estória sobre a sociedade. A arte moderna brasileira é uma das mais vibrantes e estimulantes do mundo.”

Humm, o negócio promete. Vou arrumar tempo para ir la no meio das 8957 coisas que tenho para fazer esse verão e dar uma conferida. Vou espalhar também pra todo mundo que conheço. Ainda no site: “Rotterdam terá cores brasileiras esse verão. Com artes visuais, desenho moda e música o Brasil-Rotterdam da ênfase a uma cultura que é deslumbrante como nenhuma outra.”

Galera, esse trem deve ser bão ! Interessados em saber mais cliquem aqui .

Futebol: Salários exorbitantes, porque?

Saiu hoje a lista com os maiores salários do futebol brasileiro. Não são dos jogadores que jogam no exterior não, são dos que desfilam suas pernocas pelos gramados nacionais, e é um abuso!

Por mais que as carreiras sejam curtas para os futebolistas - hoje em dia, raro é o profissional de qualquer área que tenha carreira longa - não se explica o nível de grana destes caras.

Segue a lista para avaliação de vocês:
Fred(Fluminense)350 mil por mês, Adriano(Flamengo)360 mil por mês, Nilmar(Inter)362 mil por mês, Ronaldo(Corinthians)1milhão e meio por mês.

Me desculpem senhores da bola, mas é um acinte com a sociedade e com os profissionais em geral.

O universo da bola saiu de dentro do universo humano e extrapolou qualquer nível de bom senso.
E o pior desta lista aí, o único que tem jogado pra ganhar bem mesmo tem sido o jovem Nilmar, os outros, inclusive o Ronaldo, só tem emprestado a figura pra o clube vender muito.

Daniela Gracindo

foto Ivan Faria

Daniela Gracindo é filha de Gracindo Jr e Débora Duarte por isso desde criança viveu nos bastidores e conhece bastante essa área. Junto com seu pai e seu irmão produziu o filme em homenagem a seu avô: "Paulo Gracindo - O Bem-Amado", montagem de Pedro Gracindo e produção executiva dela. Agora ela já esta envolvida em um novo projeto, um curso de cinema dedicado ao público infantil, para crianças de 8 a 13 anos. Além de uma gracinha de pessoa, a Dani vem mostrando que também é competente. Segue abaixo a entrevista especial para Inteirativa:

Qual o objetivo da Oficina de Cinema para crianças? Daniela - É dar "ferramentas" para que as crianças expressem suas idéias, contando suas histórias através da linguagem audiovisual.

Essa é a primeira experiência com esse público? Já dei aulas de teatro para todas as idades, e essa faixa dos 8 aos 13 anos é a que mais me estimulava. Talvez por eles ainda não terem perdido a capacidade de criar livremente.

As aulas são de quais etapas de uma filmagem? Daniela - Os alunos irão passar por todas as etapas desde o Roteiro até a Montagem do filme, sempre supervisionados por um profissional qualificado.

O fato de vc ter sido criada nesse ambiente facilitou a elaboração das aulas? Daniela - Sim, certamente. Mas o que mais me facilitou a elaboração das aulas foi minha experiência e aprendizado com eles mesmos.

Vc acabou de fazer um filme sobre seu avô Paulo Gracindo, junto com seu pai Gracindo Jr, foi o primeiro trabalhos juntos, como foi fazer essa homenagem? Daniela - Sim, foi o primeiro trabalho juntos, e uma experiência muito especial e única. Um grande presente da vida para nós.

Flores para voces




"As pessoas que presenteiam os outros com flores, guardam sempre perfume nas mãos".


Não consigo achar o autor desta frase, mas amo demais este dito e assim desejo uma ótima semana com muitas flores pra voces.

UFO NA TURQUIA

Ana Cecília Vidaurre
A Turquia está sendo invadida por objetos não identificados!!!
Eu queria ser abdusida pelo Gianecchinni!!!
E você por quem gostaría de ser abdusido (A)??


A História das Coisas

05/06/09

Este vídeo é super interessante. Um pouco longo (21 minutos). Mas vale ser assistido. Clique quando tiver tempo para prestar atenção. Annie Leonard, para quem não conhece é ícone, guru de Sustentabilidade. Vive na Califórnia e detona mesmo quem destrói o planeta. Estou postando a versão traduzida. Mas quem quiser for antenado, como Mariangela, Anita e Grazi, encontra fácil o original na busca do you tube como "The story of stuff".

Protagonistas de um novo e sustentável mundo


05/06/09

Sônia Araripe
Editora de Plurale

Várias ONGs sérias, com belos trabalhos em defesa do meio ambiente, divulgaram protesto alertando que há pouco o que comemorar hoje, no Dia Mundial do Meio Ambiente. Leia mais aqui, em Plurale em site, que apresenta hoje, e nos próximos dias várias matérias especiais sobre o tema.

Sem dúvida, os ecologistas têm lá suas razões. Estão em discussão algumas mudanças que podem jogar por terra (literalmente) conquistas árduas. No entanto, houve - é preciso considerarmos - enormes avanços nesta seara. Leis aprovadas, regras severas para quem transgride ou não obedece. Rigor e multas para poluidores. E também no nosso dia-a-adia. Ninguém sentia culpa ao jogar óleo na pia da cozinha ou admitir que sacolas plásticas eram práticas e ainda serviam para jogar o lixo fora. Empresas, governos e pessoas incorporaram práticas relevantes. Mudaram a rotina e passaram realmente a se preocupar não só com a sua forma de produção, mas também com o planeta.

Não tem jeito: é preciso mudar, e rápido, as regras do jogo. Estivemos ontem em debate simpático promovido pela professora Bernadete Almeida (também colunista de Plurale) para alunos da ESPM-RJ, parte da Semana de Meio Ambiente. Muito interessante. Como parceiros da mesa redonda estavam lá o comunicador Luiz Gaulia, da Rebouças & Associados, um craque em comunicação empresarial voltada para a Sustentabilidade, com passagens em várias corporações. Também o consultor ambiental Anderson Nascimento, da Dinâmica da Terra.

Gaulia mostrou o estudo recente, divulgado pelo Greenpeace, alertando para empresas que, de alguma forma, podem estar contribuindo para o desmatamento da Amazônia. Você pode conferir este trabalho e as respostas das empresas em Plurale, clicando aqui. Eu falei sobre mídia e sustentabilidade. Mostrando o relevante trabalho feito pelos colegas - e também por Plurale em revista e em site - ao relatar este Brasil em transformação. Anderson, da Dinâmica, advertiu que as empresas devem cuidar do lado social e ambiental antes das crises. Até para ficar dentro do mercado. Financiamentos e contratos importantes hoje exigem estas práticas.

Tudo muito, tudo muito bem. Mas aí a estudante Flávia, com aquela generosa curiosidade e ansiedade de todo jovem inteligente, questionou: "Fico muito apreensiva. Seremos os publicitários deste novo planeta, em um novo modelo. E como comunicar se não será mais possível consumir da forma de hoje?"

Flávia, você está certíssima. Como está, não será mais possível. Porém, também não vamos todas nos descabelar e prometer que jamais entraremos de novo no shopping ou na internet para compras. Nem que a publicidade acabou. Não é isso. Temos que consumir. Temos que manter a roda se movimentando. Mas de forma sustentável. E tudo precisará girar em torno desta órbita. Também a publicidade. O casal pai-pai do anúncio do Nebacetin, como já foi apresentado aqui, é um belíssimo exemplo. Diversidade, respeito, e por aí vai. As professoras Bernadete e Patrícia Reis confirmaram que o desafio é mesmo imenso, mas, pode ser, sim, transposto.

Admirável novo mundo. Comprou um celular última geração? Recicle o velho. Dê para alguém ou devolva em local apropriado para que seja reciclado. Roupa nova? Dê alguma antiga. Saiba se a carne que você compra não vem de área de desmatamento e se o carro é realmente econômico e pouco poluente como a montadora indica na publicidade.

Há esperança. Claro que sim. Você, Flávia, como tantos outros jovens, inteligentes, sensíveis e antenados, inclusive os meus filhos, serão protagonistas e construtores deste novo planeta sustentável, que todos os dias manda S.O.S. Jovens de diferentes classes sociais e raças. Juntos, consolidando uma só rede. Devem se tornar pessoas mais solidárias, com ética e princípios firmes como devem ser. Voluntários onde for preciso e possível. Protagonistas de mudanças e defensores de boas práticas. A minha geração fez sua parte. Não sei se da forma e na intensidade que devia. Mas fez parte do trabalho. Agora é a vez de vocês! Boa sorte, Flávia!

Uma lembrança neste dia mundial: preservem Salvador


A Bahia me emociona ao extremo.
Foi lá nesta terra tão brasileira, que me descobri como pessoa adulta. Descobri a simplicidade que me habitava e que teimava em se travestir de tentativas inglórias de aceitação em outras esferas.

Foi lá que conheci o significado pleno da palavra amor, da palavra aconchego, da palavra colo, da palavra chamego.
Na Bahia fui colocada no colo por gente que nunca me havia visto, fui ninada, fui espiritualizada.

Na cidade de todos os Santos, conheci as mais lindas pessoas, os novos amigos de infância de uma vida toda, com a cumplicidade da alma que reproduziu as amizades pelo Brasil e por este mundão afora.

Ver e ouvir a Bahia, aonde quer que eu esteja, me remete a uma sensação unica de paz, unidade, beleza e simplicidade. Fecho os olhos e sinto o mar, a briza, o som das folhas de coqueiro. Vejo os raios de sol atravessando as nuvens em meio a Bahia de todos os santos, ao fundo Itaparica, do lado de cá o Solar do Unhão e no meio, refletindo o dourado o mar imenso e calmo.
A Bahia é assim, cheia de contrastes, o doce de coco e a pimenta, as canções de Caymmi e os axés de Brown. Ela é cheia de santos católicos e orixás do candomblé.
A Bahia é um balaio de recebimento do mundo, onde todos se encontram, onde há espaço pra todos, onde o sol não escolhe quem bronzear.

Deus salve a Bahia, por tudo que ela já foi, por tudo que ela representa e por tudo que ela ainda será..
Cuidem da minha terra, enquanto eu não volto pra lá!
* Salvador precisa ser cuidada, as autoridades atuais tem detonado a cidade, o cimento cobre tudo, o lixo espalha-se pelas ruas, a violência está tomando a cidade de uma maneira brutal, o desemprego é alto.
Neste 05 de junho, dia mundial do meio ambiente, deixo aqui meu amor e meu pedido de socorro a Salvador e a Bahia*

Dia Mundial do Meio Ambiente


Essa pergunta foi a vencedora em um congresso sobre vida sustentável.

"Todo mundo 'pensando' em deixar um planeta melhor para nossos filhos... Quando é que 'pensarão' em deixar filhos melhores para o nosso planeta?"


A Luz que muda o mundo não é a luz que vem da luz,
mas a luz que vem da escuridão.
Michael Berg

Eu preciso confessar...

Gente, eu preciso confessar: o que eu mais tenho medo no mundo é de ir ao dentista...podem rir, é trauma de criança.
E mais uma coisa, o que eu mais gosto é desmarcar a hora no dentista...risos
Juro!me dá um alívio!
Porque, eu marco a visita ao dentista, daí começa a chegar a data perto e eu começo a ficar incomodada. Fico rezando pra algo acontecer no meu trabalho pra não poder ir.
E hoje eu tinha dentista marcada e não é que me apareceu uma matéria cabeluda e eu tive que desmarcar?
Voces não imaginam como me sinto aliviada e feliz. Podem rir, mas é um lado infantil não superado e não tenho vergonha. Aliás, já encontrei várias pessoas que tem este mesmo gosto.
E voces, confessem aqui o que tem medo ou algo que é obrigatório e que voces amam desmarcar.
Agora, preciso fazer uma ressalva, eu desmarco, mas eu vou na próxima consulta, pois aí já me acalmei..risos
E crianças, se alguma acessar este blog, por favor curem seus traumas e não repitam isto, tá?

Entrevista de trabalho

Caterpillar, boicotem esta marca!

foto internet

A Caterpillar, fábrica de tratores, equipamentos de construção, retroescavadeiras e tantos outros ramos de engenharia e materiais em geral, é uma das maiores fornecedoras de equipamentos de destruição do Estado da Palestina.

A Caterpillar é a maior fornecedora de equipamentos utilizados pelo Governo de Israel para invadir e destruir o estado vizinho.

Eu mesma, antes de ter conhecimento do trabalho anti-ético da Caterpillar, tinha uma bota modelo coturno deles. Juro que quando descobri, joguei fora!!!

Mas nunca é tarde para ter consciência e boicotar as empresas que apóiam a guerra suja no mundo.

Para saber mais sobre o boicote e o trabalho deste grupo acesse: www.jewishvoiceforpeace.org

É possível assinar uma petição que será entregue como protesto na reunião anual da Caterpillar nos próximos dias.

O FRIO E O CHAMEGO


Maria Lúcia Poyares

Amigas quando aceitei fazer parte desse grupo de mulheres altamente especializadas questionei se haveria lugar para uma mulher (detesto o rotulo de respeitável senhora) que, há alguns anos está voltada para o dia a dia, ou seja, o cotidiano. A responsável disse que sim e aqui estou eu.

Tenho procurado enxugar meus textos, atenta prá não escutar o lembrete dos netos: vovó você já disse isso.....

Então Amigas, dentro dessa linha vamos ao que hoje me chamou a atenção: FRIO, clima que nos sugere tanta coisa gostosa, como uma boa bebida que pode ser um vinho ou uma batidinha de cachaça (eu prefiro), propicia uma boa caminhada jogar conversa fora com amigas, tantas outras... e um chamego.

CHAMEGO expressão tão característica do norte e nordeste sugere a começar, logo cedinho, por uma perna passada em cima da outra, um abraço apertado, um eu te quero (falado baixinho), precisa falar mais?

Eu, que não gosto de sentir saudade, por motivos óbvios, não resisti e parti para perguntar as Amigas jovens:

FRIO E CHAMEGO, existe coisa melhor???

Festa com sucesso anos 70

Inteirativas,
Meu querido amigo Carlos Augusto é promoter de festas GLS, e amanhã dia 04 de junho, é a de aniversário de 2 anos da famosa "Quinta no Baile"! E quem estará lá?
Elizângela e seu sucesso dos anos 70 "Pertinho de Você".
Vale muito conferir pra quem estiver no Rio este momento retrô total, com som e ambiente de primeríssima qualidade! Eu já garanti meu lugar.

Filme ambiental


03/06/09

Esta quem nos manda é a Paula Scheidt, jornalista de primeira, com foco em Meio Ambiente e especificamente Mudanças Climáticas e Mercado de Carbono. Quem quiser conhecer um pouco mais sobre o trabalho da Paula e equipe no portal Carbono Brasil basta clicar aqui.

Veja:

Por Paula Scheidt, do CarbonoBrasil

Com uma combinação de sons, imagens impressionantes da Terra vista do céu e uma narração sobre os danos ambientais causados pela humanidade ao planeta, o documentário Home – Nosso Planeta, Nossa Casa é um projeto ambicioso do cineasta Luc Besson e do diretor Yann Arthus-Bertrand que tem como objetivo despertar a atenção para a devastação ambiental e chamar uma ação global.

E para alcançar o maior número possível de pessoas, Bertrand e Besson decidiram lançar o filme gratuitamente, em 87 países com dublagens em 14 línguas. Tudo isso, no dia Mundial do Meio Ambiente, dia 5 de junho. “O que eu realmente quero é que as pessoas cujo consumo tem um impacto direto sobre a Terra, percebam a necessidade de mudar seu modo de vida depois de assistirem o filme”, afirma Bertrand.

O diretor, que ficou mundialmente conhecido pelas fotos áreas que fez de diversas partes do Planeta, explica que o filme revela a atual situação do Planeta, enquanto afirma que a solução existe. “Sofremos um grande impacto sobre Terra, mais do que poderíamos suportar. Nós consumimos em excesso e estamos extinguindo os recursos da Terra. Do ar, é fácil ver as feridas da Terra”, diz.

A narração, segundo Bertrand, foi inspirada no trabalho de Lester Brown, o famoso ambientalista americano e pelo seu livro O Estado do Mundo (State of the World). Além disso, o diretor contou com a colaboração de amigos como Isabelle Delannoy, minha colaboradora de longa data, e o músico francês Armand Amar, especializado em músicas do mundo e vozes. “Eu queria esse tipo de mistura cultural para a trilha sonora”, ressalta.

Besson comenta que, ao conhecer Yann, já pensava em como usar trinta anos de experiência no cinema para ajudar à causa ambiental, pelo qual tem grande afinidade desde criança. “Eu estava pronto e Yann foi a primeira pessoa a me dar a oportunidade de mostrar que eu me importava. Por isso aderi ao projeto imediatamente.”

Para garantir que o filme fosse visto por todos de forma gratuita, Bertrand e Besson contaram com o patrocínio da PPR, que investiu € 10 milhões ao longo de três anos. Várias ações no mundo marcarão seu lançamento na próxima sexta-feira, como exibição ao ar livre no Central Park, em Nova York, e no Champs de Mars, em frente à Torre Eiffel, em Paris.

Para baixá-lo na internet (a partir do dia 5), assistir o trailer e saber mais sobre o filme, acesse o site http://www.home2009.com.br

TIM É POP

Ana Cecília Vidaurre




Gente, a TIM acertou no alvo!!!
Chancelado pelo Blue Man Group, o novo produto está muito bem vendido, já que o Infinity Pós é pura revolução, inovador, e assim, combinar muito com os caras azuis.
Os blue men fazem esse número no espetáculo e ficamos na dúvida se realmente o cara engole...
Eles são incríveis!!
Você já assistiu ao comercial e a eles??

Linda de morrer !



As fotos nesse post sao da revista Mooi (“bonita”) distribuidas gratuitamente pela Etos, uma das maiores perfumarias na Holanda. Eu estou falando dela tambem no meu outro blog. As capas apresentam quase sempre modelos de pele branca, cabelos macios e olhos claros. Poucas fotos no interior da revista apresentam modelos não-européias.
Mas o que eu quero falar aqui são das diferenças culturais entre conceitos de beleza norte-europeu e brasileiro. Como há pouco sol durante o ano, em países frios as unhas demoram a crescer e ficam quebradiças. Muitas holandesas por isso usam unhas falsas, de acrílico. As mãos ficam com um aspecto artificial e as unhas parecem vulgares. Mas vivendo tanto tempo fora do Brasil eu aprendi que “vulgar” e de “bom-gosto” é um conceito(s) variável e cultural. Outra coisa é que muitas holandesas usam mascara nos cílios de cor azul ou verde, o que da um aspecto fantasioso e carnavalesco (pra mim). Mas elas acham que fica misterioso, meio fada, meio sereia. E também algumas só contornam os lábios com um lápis de cor mais escura, dando um aspecto envelhecido aos lábios. Detesto. Ou será que isso é preconceito meu ?
A falta de sol não permite o crescimento rápido dos cabelos, por isso as holandesas geralmente mantém as melenas em tamanho curto ou médio. Elas também são práticas e não tem tempo para tratar de cabelão. Eu tenho o cabelo comprido (até os ombros), elas acham que cabelo comprido depois dos 30 aninhos é vulgar. Preconceito delas ? Engraçado é que numa enquete informal com os amigos do meu marido todos eles disseram a-do-rar cabelos compridos ! Amam mesmo, ficam loucos. Mas elas nem “tchun” pra isso, nem ligam, não vão agradar a rapaziada mesmo.
As drogarias na Holanda vendem de tudo, são excelentes: remédios, maquiagem, vitaminas, cremes e produtos de beleza, bolsas para maquiagem, fraldas para bebe e até vibradores, o que me surpreendeu muito. Alias, porque me surpreende ? E porque eu não consigo achar com facilidade cera depilatória ? Droga !
E você leitora ? O quanto acha que os conceitos de beleza são culturais e maleáveis ? Ou seriam universais (será que TODO homem mesmo prefere cabelo feminino comprido ?) Qual moda de maquiagem que você jamais usaria ? JÁ morou fora do Brasil e viu algum produto de beleza ou “trend” que abominava ? Ou de volta ao Brasil sentiu falta ? Conta pra gente !