Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








outubro 08, 2010

Sustentável para quem, cara pálida?


Não tem jeito. A turma dos marqueteiros de plantão não dá mesmo trégua. Depois do caso denunciado aqui recentemente de "greenwashing" dos bichinhos da Nestlé (leia no blog Plurale) agora é a vez do merchandising verde.

Isso mesmo.

A novela "Passione" ontem, mostrou que a fábrica de bicicletas da família Gouvêa - liderada na trama por Fernanda Montenegro, interpretando Beth Gouvêa - fará um lançamento de bicicleta com plástico verde, produzido a partir da cana-de-açúcar.

Isso mesmo. Vem a ser a nova tecnologia desenvolvida pela Braskem, do poderoso grupo Odebrecht (foto). Saiba mais sobre a tecnologia clicando aqui. O nome da fabricante não foi citado, mas o personagem Mauro - vivido na trama pelo ator Rodrigo Lombardi, agora na presidência da fábrica de bicicletas - conversava com sua namorada, vivida por Carolina Dieckmann, a Diana.

"Será um sucesso! Sustentabilidade!", vibrava o jovem executivo.

Vale? É verdadeiro? Não pareceu nem um pouco. Soou falso e fora de propósito na trama.

Bom, no mínimo, os marqueteiros de plantão escolheram muito mal lugar e hora. A tal Metalúrgica Gouvêa está mergulhada em um mar de falcatruas e má gestão. De sustentável não tem nada. Apenas nos últimos capítulos, Saulo, o filho de Beth faldrou a contabilidade para lesar o Fisco; o personagem Fred (vivido por Reinaldo Gianechini) não vê a hora de passar a perna em todos; a empresa perdeu mercado por causa de um produto sabotado pelo presidente anterior (Saulo); os funcionários sofrem assédio moral o tempo todo e, como se não bastasse, a própria Beth e Mauro negociaram com concorrente passar um projeto inédito para retirar Saulo do cargo.

Enfim, tudo o que uma empresa sustentável não mereceria ilustrar.

Sustentável para quem, cara pálida?

Um comentário:

Maria Lúcia Poyares disse...

é isso aí, Soninha..... bjs