Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








“Corra atrás dos sonhos, eles movem a vida e o coração!”

Estamos inaugurando um espaço para depoimentos de nossas leitoras.
Mande sua história que publicaremos.
A primeira é de uma publicitária mineira que depois de várias dúvidas, questionamentos e percalços, se encontrou em outra atividade profissional.



Minina Di Minas
http://twitter.com/mininadiminas
http://mininadiminas.blogspot.com
Rua Desembargador do vale 212 C
Perdizes, SP
11 27696930
11 77418716

“Tudo começou há mais ou menos cinco anos, quando fiz aquela pergunta que todo mundo se faz quando se vê com o diploma na mão e não sabe ao certo o que fazer com ele: Sempre dá pra começar de novo?!
Eu me formei em publicidade, mas na verdade, a minha paixão era outra, moda. Minha mãe conta que desde pequena eu desmontava o guarda-roupa dela para criar roupas e looks diferentes. As produções eram tantas que ganhei destaque no meu time de vôlei não pelo meu saque, mas pelo tamanho da minha mala. Era o dobro das que as outras jogadoras levavam em nossas viagens! Aos poucos fui percebendo que carregava comigo um enorme desejo que me levaria a outro caminho. E um dia tomei uma decisão. Resolvi pegar minha poupança e comprar umas peças de roupas para vender. Vi que tinha jeito pra coisa, pois todo mundo gostava do que eu vendia e fazia. Era o empurrão que faltava para investir na minha nova profissão!
Como publicitária criei o nome, a logomarca e os cartões da minha grife. Estava tudo pronto para o lançamento da “Minina Di Minas”.
Desmontei meu quarto e o transformei em um espaço legal e divertido, com moveis retrós e materiais alternativos. Nunca gostei de expor minhas peças de maneira tradicional e isso, com o tempo, se tornou um diferencial.
Por mais dois anos segui fazendo feiras, eventos pelo Brasil, até que fui para o Mercado Mundo Mix em Portugal. Ali senti a necessidade de fazer uma coleção mais com a cara do Brasil. Rodei a Europa com duas malas, indo de loja em loja. Passei por Barcelona, Amsterdã, Zurich, Ibiza e várias outras cidades. Meus produtos fizeram um sucesso absurdo. Era o sinal claro de que tinha feito a escolha certa.
Voltei para o Brasil ainda mais estimulada. Mas montar a loja e consolidar a marca ainda era um sonho.
Em 2008, fui para Salvador com o Mercado Mundo Mix, quando aconteceu um triste episódio: o contêiner com todas as minhas mercadorias foi roubado. Um prejuízo em torno de R$ 80 mil. O que aconteceu? Ate hoje é um mistério...
Voltei pra São Paulo pensando em desistir, mas fiz o contrario. Com muita fé, recobrei as forcas e decidi ir alem, montando uma loja. Hoje, a “Minina DI Minas” está viva, firme e forte, saindo em vários editoriais de moda, revistas e jornais.
Enfrentamos desafios todos os dias, mas nada pode nos deter quando temos fé e amamos o que fazemos. Dessa forma, não há como não dar certo. Se não der de um jeito, vai dar de outro. Os caminhos se abrem pra quem corre atrás, luta por um sonho e ama cada momento, bom ou ruim, do caminho ate a conquista.
“Não é por acaso que chamo a loja de filha, a amo, mas dá um trabalho...”

6 comentários:

Claudia Ebert disse...

Amei!!!! Que história bacana!
Parabéns

Anita disse...

Gente, que iniciativa otima esses posts com leitoras, ameieee !!

Minina Di Minas por Gra Starling disse...

Mininas.. adorei.. vcs são Demais.. o blog ta mais que indicado.. adorei !!!!!
bjus carinho
Gra
Minina Di minas

Le Bon disse...

Acho que eu sei, e acompanhei grande parte desta hostória!! Adooooroooooo!!!! rsrsrsrsrsrs... E Estarei acompanhando sempre!!!!

plurale disse...

Angel, parabéns! Amei a nova coluna. "Minina mineirinha", um charme teu case. Muito sucesso aí! bjs

Maria Lúcia Poyares disse...

Estou pensando em escrever sobre o "corra atrás do sonho......" mas, acreditem, achei lindo a perseverança da mineirinha que construiu sua empresa,mas sabe qual era meu maior sonho quando menina? CASAR.