Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








dezembro 01, 2009

Fernando Meirelles na campanha de Marina Silva


Está na coluna da minha xará Sonia Racy, no Estadão e também no Valor de hj.
Fernando Meirelles, o top do top do cinema brasileiro (e, por que não global?), de filmes brilhantes como Cidade de Deus, Jardineiro Fiel e Ensaio sobre a Cegueira, vai ajudar na campanha da senadora Marina Silva (PV).


Veja as notas abaixo - primeiro as da Sonia Racy e depois do Valor:

Talk show: Dirigida por Fernando Meirelles, Marina Silva passou a manhã de ontem na O2 filmes entrevistando convidados verdes.Os vídeos são encomenda do Instituto Democracia e Sustentabilidade.

Talk show 2: O entrosamento dos dois não se limita ao programa.Na pré-estreia de Som e Fúria, Meirelles frisou: "Lula me desculpe, mas Shakespeare é que é o cara. Depois vem a Marina Silva".

FERNANDO MEIRELLES VAI COLABORAR COM MARINA
Vandson Lima - VALOR 01/dez/2009A senadora Marina Silva (PV-AM) e o cineasta Fernando Meirelles trabalharão juntos em 2010. A princípio, não para a campanha de Marina à Presidência da República, mas na produção de conteúdos do site do Instituto Democracia & Sustentabilidade, a ser lançado em março de 2010.No comando da produtora paulistana O2, Meirelles é o diretor dos longas Ensaio sobre a Cegueira, Jardineiro Fiel e Cidade de Deus. Está há cerca de duas semanas trabalhando na idealização e produção de conteúdo televisivo para o instituto, cujo conselho diretor Marina integra. O objetivo do instituto é juntar as propostas sobre sustentabilidade que circulam nas redes sociais.Meirelles foi convidado, a princípio, sem nenhum vínculo formal. Segundo a assessoria de Marina, o cineasta faz o trabalho voluntariamente, sem remuneração. "Ele está contribuindo com ideias, discutindo, não é contratado", afirma Beto Ricardo, também integrante do conselho, que garante não haver ligação entre o projeto e o PV. "Não é algo que está sendo feito por conta das eleições. Haverá continuidade do espaço após o período eleitoral".O projeto estreita as relações de Marina e Meirelles. Este, por reiteradas vezes, se mostrou simpático à eventual candidatura da senadora à Presidência. Recentemente, ao comentar a repercussão da série de televisão Som & Fúria, que codirigiu para a Rede Globo, Meirelles arrumou um jeito de falar de sua admiração pela senadora: "O (presidente) Lula que me desculpe, mas Shakespeare é que é o cara, depois vem a Marina Silva, depois não sei mais".

2 comentários:

Maria Lúcia Poyares disse...

Soninha, excelente para a área cultural esse entrosamento entre tão respeitados profissionais e cá prá nós, em plena campanha eleitoral, não sei não...Dilma que se cuide.
bjs

Tamotsu disse...

Se a Marina e a cara, do Brasil... e e a nossa Obama e Lula juntos, porque ainda ninguem a conhece?