Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








Impermanência

As vezes é preciso voltar, e refletir sobre a impermanência...

Quando os ventos de mudança sopram, umas pessoas levantam barreiras, outras constroem moinhos de vento.

Ninguém pode ser escravo de sua identidade: quando surge uma possibilidade de mudança é preciso mudar.

Se queremos progredir, não devemos repetir a história, mas fazer uma história nova.

Toda reforma interior e toda mudança para melhor dependem exclusivamente da aplicação do nosso próprio esforço.

Mas tenho medo do que é novo e tenho medo de viver o que não entendo - quero sempre ter a garantia de pelo menos estar pensando que entendo, não sei me entregar à desorientação.
Clarice Lispector

2 comentários:

Maria Lúcia Poyares disse...

Mari

essas "perolas" dos sábios me levaram a uma reflexão profunda que me fizeram muito bem.
Obrigada.

Mariangela Buchala disse...

por isso eles são sábios né? Bj e sds