Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








julho 23, 2009

AS VEZES PARECE, MAS NÃO É - Yes, weekend!

Ana Cecília Vidaurre

Harley Davidson sempre foi sinônimo de poder, de super máquina, liberdade e hoje tem o que é muito valorizado no mundo: atitude!
Esse é um super comercial que reúne todas essas funções.
Você vai gostar!

5 comentários:

Anônimo disse...

Filme machista. Qual é a atitude?

Anônimo disse...

desculpem a minha ignorãncia, mas não entendi nada. qual a atitude desta propaganda, a da moto deve ser...

Anônimo disse...

Na verdade faltou atitude do marido....eu heim!!!!

Mariangela Buchala disse...

kkk os caras se parecem ou é impressão minha?

O q entendi é quem se esconde é o marido pque quem tem Harley vira dono do pedaço. Imagino q deve vender moto de montão pque os caras são meio assim mesmo...(alguns, da moto).

Pergunta: mas quem paga as contas da casa? Cai fora meu irmão!

Mariangela Buchala disse...

Voltei! afinal, estamos falando de uma Harley Davidson.

O problema é q toda a cultura dessa máquina se espelha na cultura americana, o sonho americano de ser "fodão" deixando prá trás a idéia genial de Arthur Davidson e William S. Harley que, cansados de pedalar, decidiram colocar um motor na bicicleta...alguma coisa parecida com os amigos que fizeram a Apple.

Diz a lenda que a cultura de sair em grupos de motos começou com os soldados q voltavam da 2a. guerra e se juntavam de moto prá sair pela América.

O q sei é que algumas partes da Harley Davidson ainda são feitos como a 50 anos atrás, moldados a mão um a um. Quase como uma Ferrari.

Fodão ou não, vamos combinar q não existe azul e preto mais lindo q de uma Harley-Davidson?

E quero saber quem de vcs já não subiu na garupa de uma? Eu já.
Valeu Ana. bj