Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








agosto 18, 2010

Um relato incrível


Com toda esta polêmica envolvendo a sentença de morte por apedrejamento da iraniana Sakineh, foi publicado hoje no Corrreio Braziliense o artigo de outra iraniana com uma história de arrepiar também. E o título já diz tudo: "Pude provar de suas lágrimas”. Leia agora o relato da escritora Marina Nemat (foto) .

Nenhum comentário: