Dedicado às mulheres inteiras e ativas de todas as idades, cores e formas. Mulheres que interagem e abraçam a vida como der, puder e vier.
Sempre desejadas!








junho 23, 2009

"A sociedade não quer alguém 100% sincera"

Esta frase está hoje na entrevista que Luana Piovani deu ao Megazine - caderno para adolescentes do jornal O Globo.
E me fez
refletir e concordar.
Sempre fui e sou uma pessoa extremamente sincera. Quando meus amigos pedem minha opinião sempre brinco: olha lá, eu sou bem
direta e sem rodeios, quer mesmo a minha opinião? Nunca soube fazer tipo, mesmo que isto tenha me acarretado em perder alguns gatinhos ... fazer o que?
Com o tempo e a experiência da vida, a gente vai sacando que não pode ser sincera e dizer o que realmente pensa, porque em geral as pessoas não gostam. Elas querem uma versão, a sociedade quer um recorte diferente pra não sair do lugar. Opiniões pontuais não são bem vindas, o melhor é uma certa simulação.
E acho isso uma tristeza, porque as pessoas vão perdendo a profundidade e a espontaneidade e ficando
rasas, pra agradar aos outros. E a sociedade vai se tornando fútil e extremamente superficial.
Não estou falando daquele tipo de franqueza mal educada, que fala o que vier a cabeça sem passar pelo filtro da educação. Falo da
sinceridade nas relações pessoais, de trabalho, em geral.
A gente é criado ouvindo para não mentir, ser sincero, e a vida adulta vem e nos impõe este tipo de comportamento. Talvez, o que se precisasse
refletir é que sinceridade e liberdade são quase sinônimos.

26 comentários:

Mariangela Buchala disse...

Grazi, fiquei confusa com o que vc escreveu. Opinião é uma expressão pessoal sobre um fato. Já verdade é o significado real de algo.
Minha opinião não necessariamente é uma verdade.

Li uma vez uma frase que penso pode ser copiada aqui: Sinceridae é quando nos expressamos como se o outro estivesse do outro lado do espelho.

bjbj

Meri Pellens disse...

Isso é algo realmente decepcionante.
Crescer aprendendo q não devemos mentir, e depois perceber q uma mentirinha pode ser bem conveniente.
Pior é ter as suas palavras sinceras torcidas e levadas aos ouvidos dos outros de uma forma castigadora. Não podemos ser "politicamente corretos", como então ter moral para falar de política decente p o nosso país? Se a própria sociedade justifica suas mentiras? Abraço.

Anita disse...

A verdade... onde esta ?
Para todo fato existe sempre uma interpretação, que depende do observador. E o observador tem sempre uma bagagem cultural, educacional, e' sempre produto de um meio e uma época. O observador altera os fatos durante todo o tempo.
Entendo que a Grazi tenha feito um apelo a mais sinceridade nas opiniões e menos dissimulação das pessoas.

Liciane disse...

Muito bom esse post.
Devemos ser sinceros de uma maneira que não machuquemos quem espera uma resposta, as vezes não muito agradável.
Tenho um amigo que se vc pedir a opinião dele sobre algo, se ficou bem em vc alguma coisa, com certeza ele vai te dizer a verdade, mesmo que ele tenha achado bem feio, ele dirá. Por um lado eu prefiro assim.
Bjss

Anônimo disse...

Luana Piovanni e o caderno de adolescentes tem tudo a ver, mas voce, colunista de um blog que sempre visito, tb. pensa assim? lamento.

Anita disse...

Escuta anônimo que não se identifica, pega leve. Fácil viu, você vir aqui e jogar veneninho. Esse blog não tem censura, mas também não significa que você possa vir aqui diminuir as colunistas e principalmente a Grazi. Desse jeito vamos ter que ter moderação nesse blog. Pare com isso.

Grazi Aronovich disse...

Obrigada Anita querida pela defesa de liberdade em nosso blog.Acho que esta postura do anônimo só confirma minha crença de que a sociedade não quer alguem 100%sincera. além do mais, respeito muito os adolescentes e suas posturas e gosto de ter alguns pensamentos em comum com eles. e a Luana Piovani é uma mulher de muita coragem.Independente de gostarem ou não dela,é preciso respeito.

Anônimo disse...

Eu não sou o anônimo que escreveu o outro comentário, mas acho que vocês estão intimidando as pessoas a participarem. Vocês estão fazendo um blog pra vocês, é isso? Se escreveu besteira, tem que ouvir!!! Ou quer ouvir mentira????

Grazi Aronovich disse...

O blog é aberto as discussões e participações que são a sua vida. mas, mesmo na mais calorosa discussão, podemos manter um certo brio.o debate é a alma da vida democrática, por isso estamos aqui. e a diversidade de opiniões causa o crescimento.anonimos ou não, estamos aqui para nos colocar,mas com educação sempre.

Mariangela Buchala disse...

Agora fiquei mais confusa ainda.

Reli os comentários sob o olhar do inadequado e não encontrei nenhuma palavra que pudesse ofender moralmente ou de outra forma a jornalista que o postou. Acredito que caso isso tivesse acontecido a própria dirigente do blog teria excluido o comentário publicado.

Ao tornar um texto público ele se torna alvo de críticas - que gostemos ou não.

Acho muito ruim que alguém não possa livremente se manifestar no Inteirativa. E se o fizerem de uma maneira que individualmente não seja o melhor para os nossos ouvidos, é preciso dar as pessoas a liberdade de se expressarem. Não estamos aqui para sermos afagadas. Mas para trazer ao público uma contribuição de algo que nos pareceu interessante de compartilhar. Mas não necessariamente o público irá concordar.

Discordar não é venenoso. Opinar também não. Cuidado para não tranformarmos moderação em censura.

Quanto a ser anônimo lembro que é um direito dado pela própria estrutura do blog.

Ou será que a sociedade dos blogs não quer comentários 100% sinceros?

Anônimo disse...

Concordo com o ultio comentário. Não achei nada nos outros que fossem mal educados. Será que a jornalista não está um pouco egoica? Tenho direito de ser anonimo e não dissimulado.

Anônimo disse...

Que grosseiro voces ficarem agredindo os participantes. Ainda mais num post falando sobre verdade. Quanto mentira.
Não gostou de ouvir que pensa igual a Luana Piovani? Independente de gostarem ou não é preciso respeito de sua parte também. E decida-se se voce gosta de ouvir a verdade ou não.

Anônimo disse...

Os anonimos fazem de qualquer coisa um bolo doido.

Anônimo disse...

me parece que a jornalista não ofendeu nenhum anonimo e esclareceu que o espaço é democrático.pq tanta agressividade dos anonimos?eu sou anonimo e acho que ela está muito certa. respeito e brio é bom pra qualquer anonimo, homem ou mulher.

Grazi Aronovich disse...

to adorando a sinceridade de todos!vamos lá pessoal, mais opiniões!
bjos

Anônimo disse...

Upa. Li tudo e acho que os anonimos que não tiveram suas críticas aceitas estão certos. Se esta adorando porque então precisou se defender e chamar todo mundo de mal educado? Releia os seus comentarios.
Veja o que escreveu "essa postura dos anonimos só reforça a minha crença de que o mundo não quer uma sociedade 100% sincera".

Sou anonimo e vou ficar assim porque quero. Teho esse direito. Ninguem desrespeitou sua postagem apenas não concordaram com tudo. Um blog não é lugar para uma diversão sua particular.

Anônimo disse...

o anonimo amigo deveria saber que um blog é um espaço para todo tipo de explanação.diversão, discussão, colocações diferentes.o que há com os anonimos, resolveram pegar esta moça pra cristo?porque não são mais cavalheiros ou mais gentis mulheres?aonde foi parar o bom senso? se a moça reclama esta´ruim, se ela celebra também?o que querem voces outros anonimos?
sejam cidadãos, mas não pesem!

Anônimo disse...

are baba!e não é que pegou fogo o debate?o unico azar é que voces reuniram os anonimos mais chatos do planeta...kkkkkk..fazia tempo que não visitava o site.é isso meninas, os sucesso chegou!sou uma anonima que adooooora os post e as colocações de voces.bjos

Anônimo disse...

Liberdade e sinceridade talvez sejam parecidas, mas ambas precisam saber onde acaba a sua e começa a do outro. Me perdoe mas eu sempre desconfio das pessoas 100% sinceras. Além do que se você é sincero, fala de coração, não precisa dizer a ninguem "olha eu sou 100% sincera, quer minha opinião?" - isso me soa mais como 'ai vem crítica" do que uma opinião que possa elucidar uma situação e/ou clarear um ponto de vista obscuro.
Portanto, Luana ou não, para com essa coisa de 100% sincera. Já chega a Luana que se acha 100% brilhante. Meu nome é Salete e só não divulgo meu e-mail porque ele é estritamente profissional. Então fico como anônimo mesmo. 100%

Anônimo disse...

Anônimos mais chatos do planeta não… do universo !
E comentaristas confusos que assim como eu não tem nada a acrescentar. kkkkkkkkkk

Anônimo disse...

Caraca que falta de assunto , acho que a jornalista esta adorando , pois virou centro das atenções

Anônimo disse...

Grazi, acho que voce pudia ter um blog só seu para escrever o que quizer, tamanha chatice de textos.

Grazi Aronovich disse...

voce, ultimo anonimo, poderia enviar sugestões de assuntos mais interessantes para serem escritos? seriam muito bem vindos!

Anônimo disse...

SÓ QUANDO TIVER O SEU BLOG, AÍ SIM FAREI QUESTÃO DE TE MANDAR SUJESTÕES DE TEMAS.
O SEU BLOG PODE SER GRAZIARO.BLOGSPOT.COM, PARA QUEM GOSTA DE TEMAS DESCARTÁVEIS.

Grazi Aronovich disse...

voce tbem deveria ter seu blog, assim as pessoas não perderiam a chance de conhecer seu brilhantismo literário e jornalistico.

Anônimo disse...

Nooossa!este anonimo que escreveu os ultimos comentários é um grosso e deve ter problemas sérios de figado!vai pra terapia e deixa as blogueiras em paz, elas não são sacos de pancadas!escreva o seu blog e realize sua fantasia de ser o tal e escrever os melhores textos.
bjos pra voce Grazi, de uma anonima feliz.